O paciente 40 – a importância do atendimento humanizado

O paciente 40 – a importância do atendimento humanizado

Uma das principais missões da SOBRAF é respeitar e promover os princípios do desenvolvimento sustentável em prol da saúde e do bem-estar da sociedade.

Tendo isso em vista, é extremamente importante trazer pautas relacionadas ao atendimento humanizado na área da saúde, que pressupõe a visão do paciente por trás da doença, valorizando o diálogo aberto e o contato próximo entre médico-paciente. 

Essa mudança de paradigma coloca o paciente como protagonista e oferece a escuta ativa do profissional da saúde, colaborando para um ciclo positivo de cuidado.

Quando falamos sobre o novo perfil de pacientes do século XXI, a atenção ao atendimento humanizado mostra-se ainda mais relevante. O paciente 4.0 é informado para argumentar e discutir sobre o seu tratamento através da facilidade de acesso às informações na internet e, por isso, busca o diálogo ativo com os profissionais da saúde. 

Sendo assim, é importante que a linguagem técnica e formal seja adaptada para o entendimento do paciente, buscando solucionar dúvidas e promover conhecimento de qualidade.

Ainda não está convencido (a) sobre a importância da conduta humanizada? Uma pesquisa* realizada pela Doctoralia analisou mais de 3,5 milhões de opiniões de usuários para entender os critérios utilizados pelos pacientes na escolha do médico. 

No Brasil, foi constatado que 63% das pessoas procuram pelo atendimento humanizado, sendo o principal critério de escolha dos pacientes 4.0. 

Diversos estudos demonstram a importância do atendimento humanizado na área médica, pressupondo a visão do paciente por trás da doença, valorizando o diálogo aberto e o contato próximo entre médico-paciente, principalmente quando falamos sobre o novo perfil dos pacientes no século XXI.

O chamado “paciente 4.0”  é informado para argumentar e discutir sobre o seu tratamento através da facilidade de acesso às informações na Internet e, por isso, busca o diálogo ativo com os profissionais da saúde. 

Para saber mais sobre a importância do atendimento humanizado na área da saúde, siga a leitura do artigo. 

O que é o atendimento humanizado?

Imagine um atendimento que prioriza o tratamento e o acompanhamento do paciente como um todo, que respeita e facilita a vida da pessoa e evita burocracias desnecessárias para preservar a sua saúde. 

O atendimento humanizado na área da saúde estreita a relação entre profissional-paciente e permite um atendimento personalizado e efetivo. Como resultado, temos níveis altos de satisfação sobre os serviços realizados e até mesmo o aumento da eficácia dos tratamentos prescritos.

Outro ponto fundamental da medicina humanizada é o respeito com o profissional da saúde. Ele deve ter a estrutura e o suporte necessário para cuidar dos seus pacientes e, literalmente, salvar vidas.

De acordo com o Ministério da Saúde, o atendimento humanizado deve favorecer:

  • A troca e construção de saberes;
  • O diálogo entre profissionais;
  • O trabalho em equipe;
  • A consideração às necessidades;
  • Os desejos e interesses dos diferentes protagonistas do campo da saúde.

Pacientes 4.0 e a importância do atendimento humanizado na área da saúde

Se você é médico (a) ou profissional de qualquer outra área relacionada à saúde, já percebeu que, atualmente, nos deparamos com um novo perfil de paciente. 

O paciente 4.0 é informado para argumentar e discutir sobre o seu tratamento através da facilidade de acesso às informações na internet e, por isso, busca o diálogo ativo com os profissionais da saúde. Quando falamos sobre esse novo perfil, a atenção ao atendimento humanizado mostra-se ainda mais relevante. 

Uma pesquisa realizada pela Doctoralia analisou mais de 3,5 milhões de opiniões de usuários para entender os critérios utilizados pelos pacientes na escolha do médico. 

No Brasil, foi constatado que 63% das pessoas procuram pelo atendimento humanizado, sendo o principal critério de escolha dos pacientes 4.0. Foi comprovado que nos serviços médicos, os pacientes não abrem mão da atenção e do cuidado no atendimento, mesmo utilizando ferramentas digitais para obter indicações

Dessa forma,  é fundamental que o paciente não só compreenda o que foi passado, mas sinta que sua saúde é importante e que mais pessoas estão com ele, independentemente do tratamento realizado. 

Como praticar um atendimento humanizado em meu consultório?

  1. Seja um profissional acessível: como vimos, os pacientes mostram-se cada mais informados e buscam o diálogo ativo com os profissionais da saúde. Sendo assim, é importante que a linguagem técnica e formal seja adaptada para o entendimento do paciente, buscando solucionar dúvidas e promover conhecimento de qualidade.
  1. Mostre que você se importa: uma das características mais procuradas pelos pacientes atuais é a atenção plena do médico (a). Mostre a ele que você se importa com o caso, escute-o atentamente – queixas, hábitos e anseios – e dedique o tempo que é realmente necessário para executar o atendimento com qualidade. 
  1. Médico (a), cuide de você: muito se fala sobre a importância de humanizar o atendimento aos pacientes. No entanto, devemos ter consciência de que o atendimento de qualidade só será viável quando o médico (a) conseguir, acima de tudo, priorizar a sua saúde física e mental. É cientificamente comprovado que profissionais felizes trabalham melhor. Por isso, não se esqueça de você

Quer saber mais sobre novidades na área médica? Continue acompanhando nossos conteúdos e siga-nos no Instagram!